7 dicas para negociar descontos na hora de conseguir seu imóvel

7 dicas para negociar descontos na hora de conseguir seu imóvel

Estamos em um bom momento para pechinchar o preço de um imóvel devido ao reaquecimento do mercado imobiliário. Com uma vasta gama de ofertas e uma quantidade de consumidores ainda crescente, conseguir um ajuste no preço daquela casa ou apartamento que por pouco não cabe no seu orçamento pode ser uma realidade. Porém, não pense que basta chegar com uma oferta menor para conseguir diminuir o valor. Para um pedido de desconto ser atendido você vai precisar ter argumentos realistas e oferecer um preço justo e justificável. Continue lendo para aprender a ser mais efetivo na hora de negociar seu desconto.


1 - Não comece a conversa falando sobre valores

Falar de valores antes de apresentar argumentos pode acabar com a negociação. Se a pessoa que está ouvindo não estiver disposta a negociar, ela já vai se fechar para todos os argumentos que você tiver preparado. Construa a conversa de forma que chegue ao preço no final, depois que ela já tiver ouvido atentamente tudo que você tem para dizer.


2 - Esteja bem informado

A concorrência é uma grande amiga na hora de pagar menos. Pesquise os imóveis da região com características semelhantes. Descubra se o imóvel que você quer negociar está acima ou abaixo do preço de mercado. É importante observar também o diferencial de cada imóvel para entender os valores, não adianta comparar um apartamento que tem piscina e elevador a um que não possui infraestrutura alguma, os preços obviamente serão diferentes.



3 - Faça um levantamento dos defeitos do imóvel

Após conhecer a região, conheça bem o imóvel que você quer alugar ou comprar. Verifique o acabamento, se existe alguma reforma que precisa ser feita, se existe alguma infiltração ou até mesmo desgaste na pintura. Faça uma lista do que vai precisar ser arrumado, ou do que o imóvel tem de desvantagem em relação a outros imóveis do mesmo preço na região e você terá um bom argumento.



4 - Cuide para não criticar demais o imóvel

Falar somente de coisas ruins que você encontrou no imóvel é um ponto negativo para você. Pense que o proprietário é apegado ao imóvel e não vai se sentir confortável ouvindo um monte de criticas. Demostre interesse em se mudar, fale sobre o potencial do imóvel após as reformas (se forem ser feitas), e caso seja aluguel explique como isso vai ajudá-lo a conseguir alugar por um preço maior para o próximo inquilino.



5 - Descubra a urgência do proprietário para alugar ou vender

Se o proprietário estiver apressado para fazer o negocio, oferecer um valor inicial maior pode ser um fator decisivo para que ele aceite uma proposta menor a longo prazo. Caso você tenha mais dinheiro para oferecer de entrada, pode tentar uma negociação onde as duas partes saiam ganhando, ele com mais dinheiro na hora de fechar contrato e você com um bom desconto logo depois.



6 - Observe os valores de taxa de condomínio

Se o imóvel que você pretende alugar possui taxas altas de impostos ou condomínio, este é um bom argumento para conseguir seu desconto, uma vez que além do aluguel você ainda terá essas outras despesas. Vale lembrar que a pesquisa que você fez sobre os imóveis da região também serve para descobrir se o valor da taxa de condomínio esta de acordo com o preço do mercado ou não.



7 – Seja realista na hora de negociar o valor

Lembre-se: sua oferta não pode ser feita com base no que você pode pagar, mas sim levando em conta tudo que você encontrou como argumento durante suas pesquisas e de acordo com o valor do mercado. Depreciar demais o imóvel oferecendo muito pouco pode deixar o proprietário ofendido e fazê-lo desistir do negócio.

Receba Novidades

Cadastre-se e receba as novidades do mercado imobiliário em seu email.